segunda-feira, 27 de março de 2017

Na morte de mais outro ídolo...

Garoeiro – Natal, RN, 27 de março de 2017.











Só sendo o que é o ser não tem razão,
Porquanto a sua essência o contradiz,
Se do Nada as negações mais vis,
Impõem a tudo só destruição.

Existe o ser que é somente em vão,
Por mais que fugas sonhe em seus ardis,
Porque a lei da existência só condiz
Com a Suprema Lei da Negação.

É por isso que canto na viola,
Que tudo virar nada me consola,
Sob o consolo bom da caminhada.

Sem prejuízo de amargar a dor,
Ante o particular arrasador,
Do anjo excelente sucumbindo ao Nada!

Nenhum comentário:

Postar um comentário